Logomarca do portal

Logomarca do portal
Prezado leitor, o Portal do Servidor Publico do Brasil é um BLOG que seleciona e divulga notícias que são publicadas nos jornais e na internet, e que são de interesse dos servidores públicos de todo o Brasil. Todos os artigos e notícias publicados têm caráter meramente informativo e são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados nos links ao final de cada texto, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Bem vindo ao nosso Portal

Seja bem-vindo ao nosso site!!!


OS DESTEMIDOS GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO

OS DESTEMIDOS  GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO
A situação é grave de todos os servidores da ex. Sucam dos Estados de Rondônia,Pará e Acre, que realizaram o exame toxicologicos, foram constatada a presença de compostos nocivos à saúde em níveis alarmantes. VEJA A NOSSA HISTÓRIA CONTEM FOTO E VÍDEO

SINDSEF RO

SINDSEF RO
SINDICATO DOS SERVIDORES PUBLICO DE RONDÔNIA

NOTÌCIAS DA CONDSEF

NOTÌCIAS DA CONDSEF
CONDSEF BRASIL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL
QUER COMPRAR OU VENDER É AQUI!!

GRUPO OFICIAL DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA

GRUPO OFICIAL  DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA
Este Grupo quer reiterar a gratidão e o respeito que sempre dedicam ao serviço público. Respeito expresso no diálogo: faça porte dessa família CURTINDO NOSSO PÁGINA NO FACEBOOK

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...
A VOZ DO POVO NA TRIBUNA

CAPESAUDE/CAPESESP

CAPESAUDE/CAPESESP
FOMULÁRIOS

Fale com a CAPESESP

Fale com a CAPESESP
ATEDIAMENTO VIRTUAR

TRANSIÇÃO DE GOVERNO 2018 2019

SELECIONE SEU IDIOMA AQUI.

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Trabalhadores da extinta Sucam poderão receber reparação por intoxicação com DDT


Últimas Notícias

Flash - Últimas notícias, ao vivo.

18:50 - Trabalhadores da extinta Sucam poderão receber reparação por intoxicação com DDT (02'39")

Deputados articulam uma Frente Parlamentar em Defesa dos Guardas da Malária para cobrar do governo medidas de reparação a esses trabalhadores e seus familiares pela intoxicação causada pelo contato com defensivos.

O uso do DDT na agricultura foi proibido no Brasil em 1995. Três anos depois, seu manejo foi vetado, também, em ações de saúde pública, como no combate à malária. Mas até hoje, muitos trabalhadores que aplicavam o produto sofrem com a intoxicação provocada pelo inseticida. A deputada Perpétua Almeida, do PCdoB do Acre, coordena a formação da frente e afirma que, apenas no seu estado, 40 mata-mosquitos, como eram chamados os servidores da extinta Sucam, morreram nos últimos dez anos em conseqüência do contato direto com o produto.

"É um índice muito alto, mais de 10% daqueles servidores morreram com os mesmos problemas, problemas respiratórios, câncer de pele, no pulmão, são doenças que praticamente o mesmo grupo de servidores tiveram e estão morrendo, todos na faixa de 60 a 70 anos. Então o que queremos: se o governo brasileiro reconheceu que o DDT precisava ser extinto porque causava um problema de saúde pública, o governo esqueceu de voltar atrás e olhar o que o DDT causou nos funcionários que trabalhavam diretamente com ele".

O Ministério Público Federal no Acre já recomendou que a Funasa, o Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual de Saúde prestem assistência a servidores e ex-servidores da antiga Superintendência de Campanhas de Saúde Pública, a Sucam. O procurador da República, Anselmo Lopes, explica que, mesmo com a dificuldade de comprovar a relação do DDT com as doenças, é necessário garantir acompanhamento médico a essas pessoas.

"Em geral nós observamos pessoas que têm câncer, pessoas com danos neurológicos, com lesões hepáticas e renais. Mas ainda assim não há uma plena comprovação científica demonstrando como o DDT age para gerar esses danos, o que existem são alguns estudos e alguns indícios de que o DDT gera esse tipo de problema, mas isso precisa ser diagnosticado por um profissional médico".

De acordo com a deputada Perpétua Almeida, um dos objetivos da Frente Parlamentar será pressionar o governo federal a assumir o tratamento dos antigos servidores da Sucam, como já está sendo feito no Acre. Além disso, um grupo de trabalho da Comissão da Amazônia deve percorrer os estados da região, após as eleições municipais, para fazer um levantamento de todos os casos de intoxicação por DDT registrados nos antigos guardas da malária.

De Brasília, Mônica Montenegro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS A GENTILEZA DOS AUTORES QUE NOS BRINDAM COM OS SEUS PRECIOSOS COMENTÁRIOS.

##############PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL##############