Logomarca do portal

Logomarca do portal
Prezado leitor, o Portal do Servidor Publico do Brasil é um BLOG que seleciona e divulga notícias que são publicadas nos jornais e na internet, e que são de interesse dos servidores públicos de todo o Brasil. Todos os artigos e notícias publicados têm caráter meramente informativo e são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados nos links ao final de cada texto, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Bem vindo ao nosso Portal

Seja bem-vindo ao nosso site!!!


OS DESTEMIDOS GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO

OS DESTEMIDOS  GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO
A situação é grave de todos os servidores da ex. Sucam dos Estados de Rondônia,Pará e Acre, que realizaram o exame toxicologicos, foram constatada a presença de compostos nocivos à saúde em níveis alarmantes. VEJA A NOSSA HISTÓRIA CONTEM FOTO E VÍDEO

SINDSEF RO

SINDSEF RO
SINDICATO DOS SERVIDORES PUBLICO DE RONDÔNIA

NOTÌCIAS DA CONDSEF

NOTÌCIAS DA CONDSEF
CONDSEF BRASIL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL
QUER COMPRAR OU VENDER É AQUI!!

GRUPO OFICIAL DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA

GRUPO OFICIAL  DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA
Este Grupo quer reiterar a gratidão e o respeito que sempre dedicam ao serviço público. Respeito expresso no diálogo: faça porte dessa família CURTINDO NOSSO PÁGINA NO FACEBOOK

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...
A VOZ DO POVO NA TRIBUNA

CAPESAUDE/CAPESESP

CAPESAUDE/CAPESESP
FOMULÁRIOS

Fale com a CAPESESP

Fale com a CAPESESP
ATEDIAMENTO VIRTUAR

TRANSIÇÃO DE GOVERNO 2018 2019

SELECIONE SEU IDIOMA AQUI.

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Relatório sobre envenenamento de ex-guardas da Sucam é apresentado na Câmara Federal

Ray Melo

O deputado Walter Prado (PSB) será recebido hoje em Brasília, pela presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal, deputada Janete Capiberibe. Na oportunidade vai apresentar o relatório final sobre a contaminação dos ex-servidores da extinta Sucam, pelo pesticida DDT.

O relatório composto por três volumes e mais de 1.000 páginas, contém exames e outras provas que o parlamentar julga de materialidade incontestável, resultado de 90 dias de trabalho da comissão de sindicância que colheu depoimentos e exames dos ex-funcionários em todos os municípios do Estado.


O parlamentar pretende levar ao conhecimento da opinião pública brasileira, os estragos causados pela exposição dos servidores que utilizaram por longos anos o pesticida sem usar qualquer tipo de equipamento de segurança

Walter Prado acrescenta que mesmo após a comprovação da contaminação, os servidores continuam sofrendo sem assistência por parte da Funasa e autoridades públicas ligadas a aera de saúde. “O descaso com que estão sendo tratados é de impressionar, as autoridades brasileiras precisam acordar e prestar assistências a estes trabalhadores que deram a saúde e a vida pela proteção de um País que insiste em não reconhecer seus direitos”, diz Prado que pretende estender o debate sobre a situação de penúria que se encontram o ex-guardas.
A intenção do parlamentar é fazer uma peregrinação, buscando apoio das autoridades federais, para que o Governo Federal reconheça a necessidade de disponibilizar tratamento adequado para as pessoas que lutam com dificuldade contra os efeitos contaminação Dicloro-Difenil-Triclorostano (DDT).
No Acre, mais de 114 pessoas já morreram vítimas do DDT, centenas de outras estão na fila do descaso, esperando pela boa vontade da Funasa e do Governo Federal, que até o momento não sinalizou com a possibilidade de providência para minimizar o desgaste psicológico e físico que os contaminados atravessam.
Os integrantes da comissão de sindicância da Aleac percorreram todos os municípios do Acre, ouvindo depoimentos dos ex-funcionários, muitos dos ouvidos morreram durante a realização dos trabalhos, por falta de serviço médico especializado em seus municípios de origem, mas suas famílias ainda sonham com a reparação indenizatória por Parte do Governo Federal.
Funasa não reconhece intoxicação de ex-guardas da Sucam

Herdeira dos funcionários da antiga Sucam, a Funasa se comprometeu, na última sexta, em reunião com o Ministério Público Federal, em Rio Branco, a realizar um exame específico em todos os guardas da malária suspeitos de intoxicação pelo DDT.
Representante nacional da Funasa na reunião, o diretor de Recursos Humanos, Adalberto Fulgêncio, disse que não reconhece que tenha havido casos de intoxicação por DDT no Acre, mas que o governo federal se compromete a fornecer o tratamento adequado se houver a comprovação por exame de cromatografia gasosa.


Segundo ele, baseado em casos semelhantes ocorridos em outros Estados do país, há poucas possibilidades de que se trata de intoxicação por DDT.
"Ele [o DDT] não entra pela epiderme nem pela via nasal, tem de ser ingerido", diz Fulgêncio.


Ele afirmou que já foram realizados 119 exames no Adolfo Lutz, e todos resultaram em negativo. Além disso, a Funasa anulou todas as decisões liminares que a obrigavam a pagar despesas por suspeita de intoxicação.



Deputado vai buscar ajuda no Senado



Em sua visita a Capital Federal, Walter Prado vai entregar uma cópia do relatório ao senador Tião Viana (PT), solicitando a intervenção de Viana, na questão dos ex-guardas. O parlamentar diz que o senador petista é médico e conhece os riscos do pesticida.



O senador Tião Viana é o autor do projeto que proíbe a fabricação, importação, exportação, manutenção em estoque, comercialização e uso de diclorodifeniltricloretano (DDT), no Brasil, que passam a ser considerados crimes contra o meio ambiente.

Redação

sample@email.tst

http://www.folhadoacre.com/navegacao/ver_noticia.php?id_noticia=5643&editoria=21

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS A GENTILEZA DOS AUTORES QUE NOS BRINDAM COM OS SEUS PRECIOSOS COMENTÁRIOS.

##############PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL##############