Logomarca do portal

Logomarca do portal
Prezado leitor, o Portal do Servidor Publico do Brasil é um BLOG que seleciona e divulga notícias que são publicadas nos jornais e na internet, e que são de interesse dos servidores públicos de todo o Brasil. Todos os artigos e notícias publicados têm caráter meramente informativo e são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados nos links ao final de cada texto, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Bem vindo ao nosso Portal

Seja bem-vindo ao nosso site!!!


OS DESTEMIDOS GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO

OS DESTEMIDOS  GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO
A situação é grave de todos os servidores da ex. Sucam dos Estados de Rondônia,Pará e Acre, que realizaram o exame toxicologicos, foram constatada a presença de compostos nocivos à saúde em níveis alarmantes. VEJA A NOSSA HISTÓRIA CONTEM FOTO E VÍDEO

SINDSEF RO

SINDSEF RO
SINDICATO DOS SERVIDORES PUBLICO DE RONDÔNIA

NOTÌCIAS DA CONDSEF

NOTÌCIAS DA CONDSEF
CONDSEF BRASIL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL
QUER COMPRAR OU VENDER É AQUI!!

GRUPO OFICIAL DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA

GRUPO OFICIAL  DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA
Este Grupo quer reiterar a gratidão e o respeito que sempre dedicam ao serviço público. Respeito expresso no diálogo: faça porte dessa família CURTINDO NOSSO PÁGINA NO FACEBOOK

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...
A VOZ DO POVO NA TRIBUNA

CAPESAUDE/CAPESESP

CAPESAUDE/CAPESESP
FOMULÁRIOS

Fale com a CAPESESP

Fale com a CAPESESP
ATEDIAMENTO VIRTUAR

TRANSIÇÃO DE GOVERNO 2018 2019

SELECIONE SEU IDIOMA AQUI.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Votação para aumento do Judiciário Federal fica para semana que vem


Alessandra Horto
O Dia     -     20/05/2016


Rio – Em negociações com lideranças da Câmara dos Deputados, representantes do movimento sindical do Judiciário Federal obtiveram ontem a sinalização de que o PL 2.648, que reajusta os vencimentos da categoria em até de 41,47%, deve ser votado na terça ou quarta-feira. Uma reunião de líderes da Casa vai definir na segunda-feira os temas que da pauta da semana. O reajuste será escalonado entre 2016 e 2019.


Ontem, o presidente do Sisejufe, Valter Nogueira Alves, o diretor-geral do Supremo Tribunal Federal (STF), Amarildo Vieira, e outros dirigentes sindicais estiveram no plenário ao longo do dia acompanhando as votações de MPs que travavam a pauta. O objetivo inicial era de incluir o PL 2.648 na pauta de ontem, o que acabou não acontecendo. A reunião de líderes na manhã de ontem decidiu apenas que seriam apreciadas duas das quatro medidas provisórias que atravancam as votações: a MP de combate ao vírus Zika e a que trata de contratos de concessão de energia.


A inclusão do PL que aumenta os salários dos servidores do Judiciário depende também de política interna da Câmara. Segundo o presidente do presidente do Sisejufe, o cenário de votações pode melhorar, caso o presidente interino da Casa, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), se afaste da condução dos trabalhos do plenário.


“Se ele (Maranhão) for cuidar apenas das reuniões de líderes e dos assuntos administrativos da Presidência da Câmara e as sessões sejam presididas por outros parlamentares, como está sendo cogitado, haverá espaço para votação de propostas”, avaliou Valter Nogueira.


Os dirigentes sindicais também se reuniram com o líder do PT, Afonso Florence (BA). Ele confirmou que a bancada do partido vai manter em obstrução na Câmara as medidas de retirada de direitos que o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) mandar. Garantiu, no entanto,em relação ao reajuste dos servidores do Judiciário Federal não vai haveria problemas para votação. Para os sindicalistas, Florence disse que o partido vai exigir que os acordos firmados sejam cumpridos pelo governo interino.


REUNIÃO SOBRE O PL 2



Com os atrasos nas votações do PL 2.648, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Ricardo Lewandowski iria se reunir ontem com o ministro do Planejamento, Romero Jucá, para cobrar celeridade na apreciação da proposta. Jucá já havia informado que o projeto de recomposição salarial do Judiciário Federal será mantido pelo governo interino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS A GENTILEZA DOS AUTORES QUE NOS BRINDAM COM OS SEUS PRECIOSOS COMENTÁRIOS.

##############PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL##############