Logomarca do portal

Logomarca do portal
Prezado leitor, o Portal do Servidor Publico do Brasil é um BLOG que seleciona e divulga notícias que são publicadas nos jornais e na internet, e que são de interesse dos servidores públicos de todo o Brasil. Todos os artigos e notícias publicados têm caráter meramente informativo e são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados nos links ao final de cada texto, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Bem vindo ao nosso Portal

Seja bem-vindo ao nosso site!!!


OS DESTEMIDOS GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO

OS DESTEMIDOS  GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO
A situação é grave de todos os servidores da ex. Sucam dos Estados de Rondônia,Pará e Acre, que realizaram o exame toxicologicos, foram constatada a presença de compostos nocivos à saúde em níveis alarmantes. VEJA A NOSSA HISTÓRIA CONTEM FOTO E VÍDEO

SINDSEF RO

SINDSEF RO
SINDICATO DOS SERVIDORES PUBLICO DE RONDÔNIA

NOTÌCIAS DA CONDSEF

NOTÌCIAS DA CONDSEF
CONDSEF BRASIL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL
QUER COMPRAR OU VENDER É AQUI!!

GRUPO OFICIAL DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA

GRUPO OFICIAL  DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA
Este Grupo quer reiterar a gratidão e o respeito que sempre dedicam ao serviço público. Respeito expresso no diálogo: faça porte dessa família CURTINDO NOSSO PÁGINA NO FACEBOOK

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...
A VOZ DO POVO NA TRIBUNA

CAPESAUDE/CAPESESP

CAPESAUDE/CAPESESP
FOMULÁRIOS

Fale com a CAPESESP

Fale com a CAPESESP
ATEDIAMENTO VIRTUAR

TRANSIÇÃO DE GOVERNO 2018 2019

SELECIONE SEU IDIOMA AQUI.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Câmara aprova plano de carreira e reajuste para o TCU

 



Agência
Câmara Notícias     -     11/12/2012


Emenda
aceita pelo Plenário não prevê aumento de percentual para gratificações, somente
para o vencimento básico.

O Plenário aprovou nesta terça-feira (11) o Projeto de Lei1863/11,
do Tribunal de Contas da União (TCU), que modifica o plano de carreira (Lei
10.356/01)
e reajusta a remuneração dos servidores do órgão. O texto, aprovado com emenda
da Comissão de Finanças e Tributação, será analisado ainda pelo
Senado.


O texto original do projeto aumentava a Gratificação de Desempenho de 80% para até
100% do maior vencimento básico do respectivo cargo, assim como mudava os
percentuais da Gratificação de Controle Externo e criava a Gratificação de
Auxílio ao Congresso Nacional.

A
emenda aprovada, no entanto, não prevê aumento de percentual para as
gratificações, somente para o vencimento básico.


O
relator na Comissão de Finanças, deputado João Dado (PDT-SP), explicou que o
percentual de reajuste do vencimento básico concedido pelo projeto é superior
aos 5% em cada um dos exercícios (2013 a 2015). Esse percentual, segundo ele,
está acima do previsto para as demais carreiras do
Executivo.


O
deputado ressaltou, no entanto, que o incremento na folha de pagamento do TCU
está dentro da previsão do projeto de lei do Orçamento de 2013. O aumento maior,
segundo Dado, compensa a falta de reajustes de funções comissionadas, por
exemplo.


“O
impacto do projeto original era de R$ 303 milhões e passou para R$ 181,63
milhões ao longo dos próximos três anos, dos quais R$ 57,6 milhões já previstos
no PLOA 2013”, afirmou. Em razão dessa restrição orçamentária, os percentuais da
Gratificação de Desempenho não serão alterados.


Adicional
de qualificação


O PL 1863/11 permite a instituição do Adicional de Especialização e Qualificação, limitado a 12% do maior vencimento básico do respectivo cargo efetivo, extensível aos aposentados e pensionistas que tenham obtido a titulação antes da aposentadoria. A matéria depende de regulamentação do tribunal.


O
projeto também cria 75 funções de confiança com denominação de Especialista
Sênior.


Teletrabalho


O
texto aprovado autoriza, ainda, os servidores a realizar trabalho fora das
dependências do TCU (teletrabalho). O tribunal justifica a adoção desse
mecanismo em razão do princípio constitucional da eficiência em atividades
“compatíveis e mensuráveis por indicadores, desde que não haja prejuízo ao
funcionamento regular da instituição e ao atendimento ao
público.”



Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS A GENTILEZA DOS AUTORES QUE NOS BRINDAM COM OS SEUS PRECIOSOS COMENTÁRIOS.

##############PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL##############