Logomarca do portal

Logomarca do portal
Prezado leitor, o Portal do Servidor Publico do Brasil é um BLOG que seleciona e divulga notícias que são publicadas nos jornais e na internet, e que são de interesse dos servidores públicos de todo o Brasil. Todos os artigos e notícias publicados têm caráter meramente informativo e são de responsabilidade de seus autores e fontes, conforme citados nos links ao final de cada texto, não refletindo necessariamente a opinião deste site.

Bem vindo ao nosso Portal

Seja bem-vindo ao nosso site!!!


OS DESTEMIDOS GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO

OS DESTEMIDOS  GUARDAS DA EX. SUCAM / FUNASA / MS, CLAMA SOCORRO POR INTOXICAÇÃO
A situação é grave de todos os servidores da ex. Sucam dos Estados de Rondônia,Pará e Acre, que realizaram o exame toxicologicos, foram constatada a presença de compostos nocivos à saúde em níveis alarmantes. VEJA A NOSSA HISTÓRIA CONTEM FOTO E VÍDEO

SINDSEF RO

SINDSEF RO
SINDICATO DOS SERVIDORES PUBLICO DE RONDÔNIA

NOTÌCIAS DA CONDSEF

NOTÌCIAS DA CONDSEF
CONDSEF BRASIL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL

GRUPO DE VENDAS DE IMÓVEL
QUER COMPRAR OU VENDER É AQUI!!

GRUPO OFICIAL DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA

GRUPO OFICIAL  DO PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL: PARTICIPE TÁ NA HORA CERTA
Este Grupo quer reiterar a gratidão e o respeito que sempre dedicam ao serviço público. Respeito expresso no diálogo: faça porte dessa família CURTINDO NOSSO PÁGINA NO FACEBOOK

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...

A VOZ DO POVO NA TRIBUNA TEM PODER...
A VOZ DO POVO NA TRIBUNA

CAPESAUDE/CAPESESP

CAPESAUDE/CAPESESP
FOMULÁRIOS

Fale com a CAPESESP

Fale com a CAPESESP
ATEDIAMENTO VIRTUAR

TRANSIÇÃO DE GOVERNO 2018 2019

SELECIONE SEU IDIOMA AQUI.

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Novo sistema de RH do governo federal terá investimento de R$ 97 milhões

 




BSPF  -     10/02/2013




Brasília - Cerca de 24 milhões de transações, 21 megabytes trafegados e cerca de 1 milhão
de páginas de relatório. Estes são alguns dos números superlativos relacionados
ao Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos (Siape), responsável
pela maioria das transações envolvendo o funcionalismo público federal. Em
operação desde 1989, o veterano está perto de ser aposentado. Um consórcio entre
o Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e a Empresa de Tecnologia e
Informações da Previdência Social (Dataprev) está desenvolvendo um novo sistema
que, em cinco anos, substituirá o completamente.


Batizado de Sistema de Gestão de Pessoas do Governo Federal, ou simplesmente Sigepe, ele
terá abrangência nacional, incluindo os 236 órgãos públicos federais, com mais
de 1,5 milhão de matrículas, e será responsável pelo processamento de R$ 100
bilhões em folha de pagamento mensal. “O atual sistema atende à demanda, contudo
ele tem uma arquitetura do final dos anos 1980 que carece evoluir”, explica o
representante do Serpro no Núcleo Gestor do projeto, Ângelo
Zanata.


O Núcleo Gestor — que também conta com um representante da Dataprev — fica
localizado na sede das duas empresas, em Brasília, de onde comanda quatro polos
de serviço: dois do Serpro, em Belo Horizonte e Curitiba, e outras dois da
Dataprev, em João Pessoa e Natal. “Atualmente estamos tocando 12 demandas, a
expectativa para os próximos meses é de subir para 22”, conta
Zanata.


Um investimento total de R$ 97 milhões está sendo feito pelo Ministério do
Planejamento, Orçamento e Gestão (Mpog), dono do sistema, ao longo dos 40 meses
em que o Sigepe é desenvolvido, garantindo um faturamento mensal de cerca de R$
1,6 milhão para o consórcio. “À medida que as demanda surgem, elas são
direcionadas para a equipe que tenha mais conhecimento naquela área,
aproveitando a expertise das duas empresas.”


O novo sistema deve abarcar os 12 macroprocessos da moderna gestão de pessoas,
como pagamento, aposentadoria e benefícios, alguns não disponíveis na atual
ferramenta. “O Siape foi construído em um outro momento na gestão de pessoas, a
evolução gera novas demandas, que serão respondidas pelo Sigepe”, completa o
gestor.


Além da inclusão de novas funcionalidades, o Sigepe trará em sua concepção
tecnologias inexistentes em 1989 como a internet, o software livre e a linguagem
Java. A antiga tela preta, ao estilo DOS, dará lugar a uma interface web, mais
amigável aos gestores públicos e servidores públicos, além de mais agilidade e
segurança no manuseio dos dados do funcionalismo federal.


Durante algum tempo os dois sistemas, Siape e Sigepe, devem conviver, já que a
implantação da nova ferramenta vai ocorrer em cinco etapas. Já no fim de 2013 as
primeiras funcionalidades devem entrar em operação. “O cronograma de implantação
é desenvolvido pelo Mpog, detentor do Sigepe, e depende de questões
administrativas do órgão”, completa Zanata.


Fonte:
ti inside

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADECEMOS A GENTILEZA DOS AUTORES QUE NOS BRINDAM COM OS SEUS PRECIOSOS COMENTÁRIOS.

##############PORTAL DO SERVIDOR PÚBLICO DO BRASIL##############